01 janeiro 2016

Relatório & Contas




2015 foi um ano bom.
Bom porque mesmo aquelas coisas que consideramos menos positivas, ou até negativas, servem para nos criar defesas e fazem-nos "crescer".
Um ano que começa com a reconciliação com o meu pai, só pode ser um ano bom!
Mesmo que o primeiro mês não terminasse sem me "presentear" com o acidente de viação que me privou de viatura durante 4 meses. Mas foi também esse acidente que permitiu provar mais uma vez a providência de Deus!
O mês de Julho trouxe o fim da minha relação de namoro com a minha amiga Paula, mas também a "integração" pela mão da minha amiga Raquel, num grupo de amigos que me permitiu estreitar os laços com alguns já amigos e conhecer ainda gente fantástica que hoje se contam entre esse número.
Politicamente, chegou uma primavera de esperança. O fim de um pesadelo de longos 4 anos. O novo ano pode não ter muitas melhorias mas, pelo menos, respira-se progressismo e esperança.
Foi tanbém neste ano que decidi abraçar finalmente a minha paixão, reiteradamente adiada, da fotografia. Estou mais que entusiasmado com a experiência e com vontade de evoluir e continuar a promover este hobby maravilhoso.

2016 vai ser um ano bom.
O Deus que me acompanhou até aqui, vai continuar a meu lado!



Abel José de Paiva Figueiredo Varandas

Livres

Livres

Jehovah Jireh

Jehovah Jireh

Deus Não Está Morto

Inspiração Bíblica Diária