20 janeiro 2012

Moralismo bacoco das "virgens ofendidas"


Assistimos passivos e quase inertes aos impropérios provindos de uma facção de políticos contra a outra,  pretensamente fundados em sucessivas atitudes imorais prosseguidas pelos seus opositores.
"Votem em nós porque connosco o "regabofe" vai acabar." - apelam.

Depois, aparecem "outros" a ficar muito preocupados com aqueles portugueses que irão ser alvo de falta de "equidade fiscal" e, depois de levantarem a sua voz, lavam as suas mãos com sabonete "Pilatos" na hora da verdade.

Finalmente, voltamos ao mesmo "filme" passado em "reprise" contínua. 
E nós, pacatos cidadãos, reclamamos e satisfazemos o ego com o mero, subjectivo  e tristemente inócuo esboço de indignação.


Até que nas próximas eleições a roda volte a girar. 
"Senhoras e Senhores, nova viagem!"


Redundantemente, e com uma sensação gritante de desespero impotente, perguntamos:
Até quando?


Vamos proceder a um pequeno inquérito.
Quem souber a resposta à questão colocada será premiado com duas mensalidades de montante equivalente ao vencimento a serem pagas nos meses de Junho e Novembro a título de:



REGABOFE CONTÍNUO


Como se chama uma instituição que elimina os subsídios de férias e Natal  aos seus funcionários que auferem vencimento superior a 1000€ e entretanto , inopinadamente,  faz nomeações em que atribui aos nomeados a auferir 1575€ mensais o privilégio inexplicável de receber esses subsídios, apelidando-os  de “abono suplementar”?



Diário da República de 19 de Janeiro de 2012, Série II


(em especial o ponto 3)

Livres

Livres

Jehovah Jireh

Jehovah Jireh

Deus Não Está Morto

Inspiração Bíblica Diária